udikar
Postado em: 13/01/2020 - 20:40 Última atualização: 15/01/2020 - 08:36
Por: Márcio Rosa - Portal Imbiara

Codemig atende solicitação de artesãos do Barreiro em Araxá

Comerciantes que estavam com suas barracas no meio do mato agora ocupam a parte coberta da obra da Vila do Artesanato

Nova localização das barracas de artesanato no Barreiro. Foto: Portal Imbiara

O Portal Imbiara fez uma reportagem no dia 16 de dezembro de 2019 falando da difícil situação dos artesãos e expositores que trabalham no Barreiro, em Araxá. Confira a reportagem neste link. 

O local, que reúne artesãos de diversas especialidades regionais, como tecelagem, escultura, bordados e alimentos estava com barracas improvisadas em meio do mato e de  lama. Os comerciantes reclamavam da situação em que foram colocados durante a construção da Vila do Artesanato, uma obra prometida há anos por governos anteriores.

Local onde estavam os artesãos. Foto: Portal Imbiara

 

Nesta segunda-feira (13), a reportagem do Grupo Imbiara de Comunicação voltou ao local e conferiu que a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) atendeu a solicitação dos artesãos, de ocuparem a parte coberta da obra e da utilização dos banheiros.

Em Araxá são maios de 500 profissionais artesãos e cerca de 40 deles estão hoje instalados no Barreiro, aguardando a inauguração da Vila do Artesanato.

Nova instalação das barraquinhas debaixo da cobertura da obra. Foto: Portal Imbiara

 

As obras tiveram início no mês de junho e a conclusão aconteceu em dezembro, mas com o descontentamento da população com a obra que foi entregue, o atual governador Romeu Zema prometeu, em maio deste ano, que faria adequações na Vila.

Em comunicação do governo do Estado obtivemos a informação de que o processo de contratação de obras relativas a estandes, estacionamento e área de lazer está em sua fase interna, tendo como previsão a realização do processo licitatório ainda no primeiro semestre de 2020. Essas obras têm a previsão de conclusão para o segundo semestre deste ano e tem um valor de investimento de R$ 2,88 milhões.

Artesãos agora trabalham em novo local no Barreiro. Foto: Portal Imbiara