BEM BRASIL
BEM BRASIL
UDIKAR
UDIKAR
Postado em: 29/09/2021 - 08:28 Última atualização: 29/09/2021 - 16:08
Por: Bruna Isabella Silva – Portal Imbiara

Inscrições para a 2ª etapa da CIMTB Michelin encerram nesta quarta-feira (29)

Etapa de Araxá já tem mais de mil atletas inscritos, pistas com novidades e a presença de estrelas mundiais

Copa Internacional de Mountain Bike acontecerá no Barreiro em Araxá. Foto: CIMTB / Divulgação

As inscrições para a etapa de Araxá da CIMTB Michelin se encerram nesta quarta-feira (29), às 16h. Quem ainda não fez o cadastro pode acessar o site cimtb.com.br, clicar no menu de inscrições e garantir a vaga no maior evento de mountain bike da América Latina. Os pagamentos só podem ser feitos com cartão ou PIX.

As competições serão no Grande Hotel Termas de Araxá, a partir de sexta-feira (1º) até domingo (3). O evento oferece 47 categorias para todos os tipos de ciclistas, desde os iniciantes até os profissionais de todo o mundo.

Público liberado

A Prefeitura Municipal de Araxá liberou a presença de mil pessoas para entrar no complexo, além dos atletas e acompanhantes, o que representa apenas 10% da capacidade do evento. Não haverá venda de ingressos, mas o espectador deve comprar o teste de Covid-19, que garante a entrada. O interessado deve entrar no site cimtb.com.br, clicar em inscrições e em seguida em “compra teste Covid-19” e escolher uma das opções: 1) Acompanhante do atleta ou expositor, se você for acompanhar os atletas ou trabalhar no evento; 2) Grande público, se você for apenas assistir as provas no final de semana. No caso dos atletas, o teste de Covid-19 é cobrado automaticamente com sua inscrição.

É importante lembrar que, para acessar o evento, todos devem fazer o teste de Covid-19 na barreira sanitária na entrada, sem exceção. Para isso, é necessário comprar o teste com antecedência na página da inscrição, além de imprimir e preencher o formulário obrigatório do Ministério da Saúde, disponível aqui.

Como as etapas da CIMTB são chanceladas pela UCI, CBC e federações estaduais, é obrigatório que o atleta seja federado para competir nas categorias oficiais do XCO.