BEM BRASIL
BEM BRASIL
Postado em: 03/01/2019 - 16:05 Última atualização: 03/01/2019 - 16:23
...

Psicóloga Elisa Myrthes ressalta sobre metas em 2019

Na manhã desta quinta-feira, 3, a Psicóloga Elisa Myrthes esteve no programa Imbiara Notícias e abordou sobre metas, desafios e como enfrentá-los.

Por: Natália Souza - Portal Imbiara

 

A Psicóloga Elisa Myrthes esteve no estúdio da Rádio Imbiara 91,5 na manhã desta quinta-feira, 3, abordou sobre metas, frustrações, desafios e como enfrentá-los. Atualmente muitas pessoas esperam virar o ano para criar novas metas. Mas muitas das vezes as pessoas criam tantos objetivos que não conseguem cumprir e já começam o ano novo com frustrações. Dessa forma a psicóloga explica os motivos dessa frustração.  “A pessoa potencializa dentro dela como uma rotina interna e muitas vezes ela não consegue cumprir, até por questões cotidianas e assim a frustração acontece.” Ressalta.

Para a psicóloga é importante não esperar chegar sempre o mês de dezembro para criar metas, mas é bom fazer um planejamento ao longo do ano e respeitar também os seus limites, para não causar danos a sua própria auto-estima. Realizar uma análise e perceber o por que não está conseguindo alcançar um certo objetivo, por exemplo, é de grande importância para o ser humano.

Foto por: Márcio Rosa / Psicóloga Elisa Myrthes

Além do mais a psicóloga ressaltou que a felicidade espiritual e emocional é primordial para viver bem nos dias de hoje. Que é preciso acreditar em si, pois essa é a essência da vida. E que a cobrança externa dependendo das circunstâncias pode ser positiva ou negativa. Mas que é preciso que o ser humano tenha objetivos buscando sempre o que for melhor para si e não para os outros.  

Elisa Myrthes explicou também que criar expectativa é algo positivo, pois já almeja algo que pretende-se atingir no futuro. “Mas esse olhar precisa ser maduro, ver se não está se danificando nesse caminho. E como você está percorrendo esse caminho e se está prejudicando alguém.” Afirma. Vale ressaltar que o cuidado nessas circunstâncias é  muito importante para não se tornar algo ilusório.