BEM BRASIL
BEM BRASIL
UDIKAR
UDIKAR
Postado em: 30/08/2021 - 17:21 Última atualização: 31/08/2021 - 16:04
Por: Natália Fernandes - Portal Imbiara

O Papo com a Nat recebeu no dia do psicólogo as profissionais Letícia Britto e Luciangela Cunha

27 de agosto, dia em que é celebrada a profissão do psicólogo, o Papo com a Nat recebeu psicólogas para falar sobre os desafios da profissão e os cuidados com a saúde mental

Leticia Britto e Luciangela Cunha nos estúdios da Rádio Imbiara 91,5 FM. Foto: Portal Imbiara

Em entrevista a Rádio Imbiara 91,5 FM, através do quadro “Papo com a Nat” do programa “Super Tarde", as psicólogas Letícia Britto e Luciangela Cunha falaram sobre os principais desafios da profissão na atualidade e as questões humanas pertinentes a busca pela saúde. Dia 27 de agosto é comerada a profissão de psicólogo.

Os impactos emocionais na vida das pessoas já estão bem descritos pela literatura científica e demandam sempre muita atenção dos profissionais da Psicologia, ainda mais em um período de pandemia em que grande quantidade de pessoas foram impactadas com a Covid-19.

Porém, barreiras e preconceitos ainda permeiam a profissão do Psicólogo, considerado hoje como um dos profissionais mais importantes para atuação em diversas áreas. O psicólogo é essencial na assistência, pois seu trabalho visa ajudar as pessoas a incluírem no seu projeto de vida um conjunto de atitudes e comportamentos ativos que as levem a promover a saúde e prevenir doenças, sejam elas de origem física ou mental, colaborando também com técnicas de enfrentamento no processo de ajustamento diante de situações adversas.

“Temos apenas 59 anos de regulamentação no Brasil, uma profissão muito nova e o quanto já se foi feito e se conquistou. Já conseguimos validar muitas coisas, e o quanto o profissional tem sido considerado importante na vida das pessoas” disse Leticia Britto.

Luciangela Cunha relembrou preconceitos e mitos que foram superados ao longo dos anos.

“Caminhamos bastante no sentido de driblar um pouco esses mitos, e quando falamos da Psicologia fica parecendo que é algo muito longe e distante. Outro mito que ouvimos falar é que somente rico procura o psicólogo que  tem tratamento, mas a Psicologia está mais perto do que a gente imagina. Ela está na escola e os pais tem acesso, as crianças. Quando a pessoa vai tirar a CNH, por exemplo, também tem um profissional. Além disso, os psicólogos estão nos hospitais  e na promoção da saúde”, explica Cunha.

Veja o conteúdo completo da entrevista.